Voltar

Alepa estuda viabilidade para criação de novos municípios no Pará

A documentação já foi entregue pelos representantes dos distritos

Data: 07/06/2022
Foto: Arquivo

A Assembleia Legislativa do Pará (Alepa) deve apreciar em breve estudos de viabilidade para a criação de novos municípios paraenses. Os documentos já foram entregues por representantes dos distritos de Vitória da Conquista dos Carajás (Novo Repartimento), Rio Preto dos Carajás (Marabá), Lago Grande do Curuai (Santarém), Monte Dourado (Almeirim), Fernandes Belo (Viseu), Sudoeste e Taboca (São Félix do Xingu). "Nos comprometemos a apreciar os estudos, emitir os pareceres, levar ao plenário para aprovação e posterior, encaminhar ao presidente Chicão para que ele nos acompanhe até o Tribunal Regional Eleitoral e possamos conquistar o nosso objetivo que é o plebiscito", explicou a deputada Heloísa Guimarães, presidente da Comissão de Divisão Administrativa do Estado e Assuntos Municipais. Os estudos de viabilidade foram recebidos pelo presidente da Casa, deputado Chicão; pela deputada Dra. Heloísa Guimarães e pelo deputado José Maria Tapajós. No sul do Pará serão criados três municípios que atualmente são distritos no município de São Félix do Xingu: Sudoeste, Taboca e Ladeira Vermelha. Na casa legislativa, por enquanto, os parlamentares que não estão envolvidos diretamente no apoio à criação de novos municípios não se pronunciaram sobre como votarão. A realização dos estudos de viabilidade é garantida pela Lei Complementar número 74, de 14 de setembro de 2010. Os estudos dos distritos que buscam emancipação foram viabilizados por investimentos feitos pelas coordenações político-partidárias de alguns deles. Se houver votação favorável na Alepa, o passo seguinte será a realização de plebiscitos nas regiões atingidas pela possível mudança.




Por: G1/PA

flcarajas@hotmail.com


Comentários

Deixe seu comentário